Doce de Amora

Início / Receitas / Doce de Amora

Doce de Amora

Uma receita de Margarida do Rosário

 

Ingredientes

Ingredientes
2 kg de amoras
1 kg de açúcar amarelo
1 pau de canela
Casca de limão

Modo de confeção

Depois de arranjar as amoras (retirar os pezinhos), colocar num tacho todos os ingredientes e cozer em lume brando.
Passado 15 minutos retirar o pau de canela e de vez em quando, ir mexendo para não deixar agarrar ao fundo do tacho.
Quando estiver quase pronto, colocar a varinha mágica para desfazer um pouco, não a totalidade.
Por fim colocar em frascos de vidro.

Sobre a Amora Silvestre

A amora possui propriedades diuréticas, antidiarreicas e antioxidantes. Éreguladora intestinal, cicatrizante, anti-inflamatória e antimicrobiana. Além disso, é rica em minerais e ferro, substâncias essenciais para a boa circulação sanguínea.
As amoras utilizadas na receita foram colhidas em Mértola, em amoreiras, árvores do género Morus. A variedade local mais comum, pelo seu tamanho e sabor, é a amoreira-preta (Morus nigra), uma espécie originária do Sudoeste Asiático, em particular da região que hoje é o Irão. A amoreira-branca (Morus alba), também produz amoras saborosas. É originária do Extremo Oriente e as suas folhas são mais utilizadas na alimentação do bicho-da-seda. A amoreira-vermelha (Morus rubra), originária do Leste dos Estados Unidos é pouco cultivada no nosso país.

Back to Top
Added to cart
Política de Cookies

O Site utiliza Cookies, entendendo-se estes como arquivos de texto que identificam o computador do Utilizador no servidor do Município de Mértola .